Total de visualizações de página

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

José Gomes Domingues

***
Foto: Jornal LEOPOLDINENSE

(Texto publicado no jornal LEOPOLDINENSE, edição de 31.08.2006)

Se ainda estivesse entre nós, o legendário delegado Dr. José Domingues estaria fazendo 100 anos neste mês de agosto. Homem exemplar, elevou ao ponto mais alto da dignidade profissional a nobre missão do policial. Poucos terão exercido esse munus com maior autoridade, equilíbrio, lisura e competência, ao ponto de constituir-se em paradigma de conduta para os que o sucederam.

Nasceu, José Gomes Domingues, em Leopoldina, MG, aos 10 de agosto de 1906, tendo falecido em 1º de julho de 1977. Era filho de Raphael Gomes Domingues e de Da. Idalina Gomes Domingues.

Foi casado, por 43 anos, com Da. Maria do Carmo Barroso Guimarães Domingues, falecida aos 9 de julho de 1975, com quem teve os filhos:
José Maria Barros Domingues, servidor público federal aposentado; Distribuidor da Justiça Federal, em Belo Horizonte, casado com Da.Vilma Guimarães Domingues, com dois filhos – Tadeu e Silvia; Marcelo Barroso Domingues, professor e ex-Diretor da “E.E. Botelho Reis”, de Leopoldina; ex-Diretor da Escola da Comunidade “Cel. Luiz Salgado Lima”, C.N.E.C.; ex-Secretário de Educação do Município, com cinco filhos – Marcella, Henrique, Cláudia, Malyra e Isabela, com os netos, Érika, Júlia e Miguel. Divorciado, é casado em segundas núpcias com Da. Tânia Villela Salgado; Marco Aurélio Barroso Domingues, engenheiro civil e eletrotécnico; ex-Diretor da Construtora Mendes Júnior, casado com Da. Celeste Maria Leite Domingues, tendo três filhos – Marco Aurélio, Paola e Érika, e duas netas – Gabriela e Carolina; e Márcio Barroso Domingues, Delegado Geral de Polícia Civil e ex-Secretário de Segurança Pública de Minas Gerais, casado com Da. Marília Teixeira Diniz Domingues, tendo dois filhos – Márcio e Marina.

Da. Maria do Carmo Barroso Guimarães Domingues (Da. Carminha) descendia de tradicional família leopoldinense, sendo filha de Arsênio Tambasco Guimarães e de Da. Dinorah Barroso Guimarães, fazendeiros no distrito de Ribeiro Junqueira. Esposa dedicada e mãe extremosa, Da. Carminha excedia as fronteiras familiares para destacar-se na sociedade leopoldinense como referência de trabalho profícuo em prol dos mais necessitados, tendo atuação marcante, ao lado do marido, mas mais diversas obras de benemerência.

São irmãos do Dr. José Gomes Domingues a Sra. Herondina Domingues da Cruz Machado, residente em Leopoldina, e viúva do falecido Sr. Átila Lacerda da Cruz Machado; Antonio Gomes Domingues (Ninico); Sra. Arminda Domingues França, casada como Oto Lacerda França (falecidos); Moisés Gomes Domingues, casado com Da. Regina Rezende Domingues (falecidos); Da. Maria de Lourdes Domingues Rosa, casada com o Geraldo Rosa (falecidos); e Odilon Gomes Domingues, casado com Da. Leíse Guimarães Domingues, que lhe sobrevive e reside no Rio de Janeiro.

Os cursos, primário e secundário, o Dr. José Gomes Domingues os fez em Leopoldina, sendo ex-aluno do tradicional “Ginásio Leopoldinense”, atual “E.E. Professor Botelho Reis”. Bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito de Niterói, RJ.

Nomeado pelo Presidente Olegário Maciel, exerceu o cargo de Juiz de Paz na sede do município de Leopoldina, entre os anos de 1932 e 1935. Nesta mesma cidade tornou-se Delegado Municipal de Polícia, a partir de 27.11.35, passando, desde então, a galgar todos os postos da carreira até aposentar-se como Delegado Geral de Polícia em 1962.

Assumiu o tabelionato do Registro de Imóveis de nossa cidade, entre 1941 e 1943. Rotariano dedicado, inscreve-se dentre os fundadores do Rotary Clube de Leopoldina, em fevereiro de 1944, entidade na qual ocupou todos os cargos, vindo a tornar-se, por duas vezes – 1955/57 e 1959/60 - Governador do Distrito Rotário que, na época, compreendia os Estados do Rio de Janeiro, inclusive a Capital, Espírito Santo e Minas Gerais.

Anteriormente fora Secretário do Rotary Clube por várias vezes; Vice-Presidente do Clube no anuênio, 1944/1945; Presidente do Rotary de 1945 a 1946; conferencista rotário em Conferências Distritais e Convenções Internacionais; fundador dos Rotarys Clube de Caratinga e Cataguases.

Foi membro do Conselho Consultivo do Banco de Crédito Real, posto do qual se desligou para candidatar-se, pela ARENA, a Deputado Estadual, logrando-se eleger para a legislatura, 1966/1970.

Ocupou a Secretaria de Administração do Estado, no Governo Rondon Pacheco. Presidiu a vários Conselhos Estaduais, tendo sido agraciado com as medalhas da “Inconfidência” e de “Santos Dumont”. Foi Presidente do Conselho Estadual de Política de Pessoal; Presidente do Conselho de Administração Pública de Minas Gerais; Criador da Comissão de Acumulação de Cargos e Funções de Minas Gerais; Sócio Benemérito de inúmeras entidades.

Em repetidas ocasiões recebeu designação para representar o governador do Estado nas reuniões da SUDENE.

Desportista quando jovem, foi zagueiro central do E.C. Ribeiro Junqueira, clube do qual veio a ser Presidente e Presidente de Honra. Presidiu também o Clube Leopoldina.

Foi agraciado com o título de Sócio Benemérito do Clube América Mineiro, de Belo Horizonte. Tinha simpatia, entretanto, pelo Fluminense Futebol Clube, do Rio de Janeiro e, em Minas, pelo Clube Atlético Mineiro.

O Dr. José Gomes Domingues, que por todas as suas virtudes de retidão e probidade valorizou o apelido pelo qual foi sempre referido, “Zé Domingues”, como “Delegado Mito” da região da Zona da Mata Mineira, valoriza hoje a Justiça de Leopoldina emprestando nome ao Fórum Municipal.

É designação, também, de rua do Bairro Bela Vista; da Banca Examinadora do DETRAN - em Leopoldina; de uma Sala na Secretaria de Estado de Administração; e da Delegacia Regional de Polícia de Leopoldina.

Tenho a honra de com ele haver pessoalmente privado, como decorrência da enorme amizade que o ligava a meu sogro, o Dr. Lélio Lara, seu companheiro de Rotary e também atleticano apaixonado, e de tê-lo como um dos padrinhos de meu casamento com Leila de Castro Lara, no ano de 1968.
₪₪₪₪₪₪₪₪₪₪₪

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.